Todos os textos contidos neste blog são de propriedade intelectual da autora. Proibida reprodução total ou parcial sem autorização.

sábado, 6 de novembro de 2010

Vilma Banky

Lembrei de outra estrela esquecida: Vilma Banky. Apareceu em produções francesas, húngaras e austríacas entre os anos de 1920 a 1925, quando foi descoberta por Samuel Goldwyn, em Budapeste, e assinou contrato. Apelidada em Hollywood como "Rapsódia húngara", foi a atriz de maior bilheteria de Goldwyn em meados e fins dos anos 20, principalmente com Ronald Colman. Seus trabalhos mais conhecidos são ao lado de Rodolfo valentino como a filha de um russo aristocrata, em A ÁGUIA(1925) e uma dançarina árabe em O FILHO DO SHEIK(1926). Seu primeiro filme falado foi THIS IS HEAVEN(1929).
Nascida na Hungria em 1898, não conseguiu sobreviver à mudança do cinema mudo para o falado pois seu sotaque a tornava praticamente ininteligível. Seu último filme foi feito ainda em 1933 - THE REBEL.
Atuou ao lado de Gary Cooper e de seu constante parceiro Ronald Colman em THE WINNING OF BARBARA WORTH(1926), um drama-western dirigido por Henry King. Uma das coisas que marcam o filme é a bela fotografia.

2 comentários:

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Belo blog, Daniele. Vou linká-lo. Gostei muito de Vilma Banky nos filmes de Valentino... Vou estar sempre por aqui.
Tudo de bom,

www.ofalcaomaltes.blogspot.com

Cinema Clássico disse...

Sim, Antonio, eu também gosto dela. Os filmes com Valentino são O Filho do Sheik e A Águia. Eu os vi ainda com 12 anos de idade. Foi nessa época que apaixonei pelos filmes antigos.Infelizmente os outros trabalhos dela estão perdidos. Mais tarde, publicarei mais sobre ela. Obrigada pelos elogios!